Quarta-feira, 12 de dezembro de 2018
Ano XXX - Edição 1537
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Eleições: você pode mudar o Brasil!

03/10/2014 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
*Por Maicon Putti

As eleições estão chegando e a oportunidade do Brasil está no seu voto. Muitos reclamam que o Brasil não vai para frente devido à política e este é o ano para com nosso voto mudar a administração da nossa nação.

Há cinco anos, quando o Brasil foi escolhido para ser a sede da Copa do Mundo e as Olimpíadas, as perspectivas eram fantásticas, economia em crescimento,  grandes economias em recessão e investimento externo sendo aplicado no país.  Em suma, o Brasil era a bola da vez.

Mas, então o que aconteceu? Inflação em alta; descrédito do setor privado quanto ao governo atual; PIB em queda; aumento da dívida pública; investimento Externo em queda; aumento dos juros e inadimplência. Em minha opinião são dois fatores que têm maior peso: corrupção e habilidade de gestão e a falta de mudanças que promovam grandes resultados.

Vamos falar de corrupção.  Penso que para a saúde,  educação,  segurança e outras necessidades  desta grande nação não são necessários mais impostos e, sim, fazer com que todo dinheiro captado seja aplicado ao seu objetivo principal.

Sem desvio no meio do caminho,  sem favorecimento a um setor específico por puxar mais a economia,  sem favorecimento a pessoas ou empresas que têm muita influência.

Relatório da organização Transparência Internacional sobre a percepção de corrupção ao redor do mundo divulgado em 03/12/2014 apontou que o Brasil é o 72º colocado no ranking entre os 177 países analisados. O Brasil é cheio de recursos naturais e uma nação trabalhadora,  empreendedora e sonhadora.  Precisamos de transparência no uso do dinheiro público,  porque a melhor forma de investir é não perder.

Propostas claras dos candidatos à presidência deveriam estar na lista de prioridades dos candidatos.

Na hora de votar,  investigue  se há indícios ou um histórico de corrupção dos candidatos que gostaria de eleger. Mais importante que sua bandeira partidária é termos um país livre da corrupção.

Outro ponto é a habilidade de gestão.  Para crescer as empresas precisam ser muito bem administradas,  ter profissionais de alto nível faz a diferença, mas o que o governo faz na gestão das estatais, ministérios e órgãos públicos?  Colocam profissionais com cargo escolhido sem experiência e competência para administrar empresas que movimentam milhões ou bilhões de recursos,  muito mais que os 99% das empresas só Brasil.

Vale lembrar que o Brasil tem 39 ministérios e muitos profissionais acreditam que no máximo 15 seriam suficientes para tocar a máquina pública, uma proposta de racionalização e eficiência pública são prioritários para o Brasil crescer.

Resumindo,  muito dinheiro que  impacta a saúde e a segurança, por exemplo, na mão de pessoas sem habilidades, experiência, competência e cheias de interesses pessoais  ou políticas  acima da necessidade real da população. Agora pense os candidatos que vocês irão votar, qual  a experiência e currículo dos candidatos que vão administrar a 7ª economia do mundo, segundo o Banco Mundial?

É preciso uma grande mudança nas reformas política, tributária,  trabalhista. Cada uma dessas reformas pode e deve mudar a história desta nação porque pode tornar o Brasil com uma legislação tributária que promova o crescimento de mais empresas e junto com a trabalhista podem promover mais empregos.

Atualmente, empresas produzem na China porque os custos de produção são menores, ou seja, perdemos capacidade produtiva devido ao custo Brasil. Fazer reformas vai gerar a grande mudança que o Brasil precisa para ser competitivo.
Então, na hora de votar escolha candidatos que realmente querem por a mão no vespeiro e têm habilidade para articular partidos,  pessoas, sociedade e imprensa.

Não esqueça, a história da nossa nação depende de sua escolha nas eleições de 2014. Não seja passivo, não abstenha ou anule seu voto, pense nas próximas gerações. Escolha bem hoje para termos um futuro melhor e isso depende das suas escolhas, ou seja, do seu voto.   Risque de sua lista homens e mulheres corruptas,  escolha candidatos com um excelente currículo e que tenham no seu histórico realizações,  pequenas ou grandes reformas na gestão que teve no passado.

Avalie a situação política nacional e faça escolhas que mudarão nosso futuro, não somente nos próximos quatro anos, mas sim poderão ter consequências nos próximos 20.

*Administrador de empresas, professor do Programa de Certificação de Conselheiros Cooperativos da ISA/FGV, professor local do ISAE/FGV e diretor da Ideia Consultoria Empresarial. Possui MBA em Finanças, Auditoria e Controladoria na Fundação Getúlio Vargas e é associado a ABPMP - Association of Business Process
Management Professionals, Internacional e no Brasil.






Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

07/12/2018   |
30/11/2018   |
23/11/2018   |
16/11/2018   |
09/11/2018   |
19/10/2018   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS