Sexta-feira, 14 de dezembro de 2018
Ano XXX - Edição 1537
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para Consumo

19/10/2012 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO - MAIS RESPONSABILIDADE - De cada dois eleitores três-maienses um votou contra a atual administração municipal. Ou votou a favor da oposição. Ninguém pode saber se foi voto de protesto. Se foi voto de sede de mudança. Ou, se foi voto com outros ingredientes, que não estes. O futuro prefeito - o tetraprefeito três-maiense no comando do município, desde 1977 em administrações intercaladas - está plenamente consciente de que cumpriu um mandato de exceção, mas também tem consciência plena de que há falhas para ser sanadas. Ninguém, até hoje, conseguiu emplacar quatro mandatos em Três de Maio. Uma marca a ser batida. Ineditismo puro. A responsabilidade só tende a crescer. E a comunidade vai ter a resposta deste incansável filho desta terra.

SALÁRIO MÍNIMO  - Fala-se tanto da boa situação do trabalhador etc e tal. Querem ver? O salário mínio de setembro deveria ser de R$ 2.616,41 -   quatro vírgula vinte uma vezes mais -   ao invés dos atuais R$ 622,00. Hoje, o trabalhador fica satisfeito quando pode trabalhar e se esquece do valor dado a seu trabalho. O salário mínimo, segundo preceito legal, deve ser suficiente para garantir as despesas da família com alimentação, moradia, saúde, transportes, educação, vestuário, higiene, lazer e previdência. E será que os escassos R$ 622,00 dão para tudo isso?

DEPOIS DAS ELEIÇÕES, NÃO SE ENCONTRA NINGUÉM QUE VOTOU CONTRA. TODOS VOTARAM NO VENCEDOR. ENGRAÇADO!

INVOCADO  - Estou invocado porque novamente não elegemos nenhuma mulher para o Legislativo três-maiense. Já é a segunda legislatura sem voz feminina no plenário do Legislativo. Seria Três de Maio um município machista? Não venham dizer que não havia mulheres competentes concorrendo, merecedoras do voto.

PIB CAI MAIS  - Para o FMI, a estimativa de crescimento do Brasil, em 2012, reduz a alta do PIB para 1,5%. E a estimativa para 2013 caiu para 4%, ao invés de 4,5/%.

COMO DÓI PERDER UM GRENAL POR 1X0. GOL NO ÚLTIMO MINUTO. 

VEDETES  -  Disparado, as duas maiores vedetes desta campanha eleitoral, foram os candidatos a vereador Lilico Mella e Cisquinho, o Cleiton Felipe dos Santos, duas jovens revelações. Foram disparado os dois mais votados e as duas novas figuras, que finalmente vão renovar  o Legislativo. O Cisquinho já tinha mostrado boa performance na eleição anterior, mas, agora, surpreendeu. E o Lilico na sua primeira experiência política deu laçaço. Está no sangue.

NUNCA SUBESTIMAR - Não pensem que os jovens que vêm aí vão se deixar pisar pelos mais cascudos. Não pensem. Torço por eles, porque necessitamos de jovens lideranças. Mais democráticas. Mais liberais e menos broncas.

GOSTO DE JOVENS QUE TÊM IDEIAS E PROPOSTAS E NÃO LHES FALTA GARRA.

AINDA O MENSALÃO - Os ministros do STF foram coerentes - pelo menos a maioria - e condenaram o trio petista que comandou o maior escândalo da nossa história: José Dirceu, José Genoíno e Delúbio Soares. Os três escreveram uma triste página de nossa história. Espero as penas. 

PRESIDENTE DA REPÚBLICA E GOVERNADOR DE ESTADO NÃO DEVERIAM SE METER NA CAMPANHA POLÍTICA. ELES TÊM QUE CUIDAR DE SUAS ADMINISTRAÇÕES. 




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

30/11/2018   |
23/11/2018   |
16/11/2018   |
01/11/2018   |
26/10/2018   |
19/10/2018   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS