Domingo, 9 de dezembro de 2018
Ano XXX - Edição 1536
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para consumo

05/10/2018 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO - IDOSO - Décadas atrás havia meia dúzia de dias consagrados a datas ou pessoas. Querem ver? Era o Dia do Trabalho, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia da Criança, Dia do Professor e Dia do Servidor Público. E o que mais? Na última segunda-feira, dia 1º de outubro, num único dia, tivemos cinco datas consagradas:  Dia do Idoso, Dia do Comerciante, Dia do Vereador, Dia do Vendedor e Dia Mundial da Música. E isso é uma constante ao longo do ano. Temos até meses consagrados a isso e aquilo. É uma forma de homenagear classes sociais e categorias profissionais. Os idosos foram até pouco lembrados na sua data pela imprensa e instituições. Mas é preciso ser honesto e justo, eles, os idosos, são merecedores de reconhecimento, porque legaram tudo ou quase tudo o que temos em matéria de infraestrutura, educação e cultura.  Eles, no passado, fizeram o que temos no presente.

O QUE NÃO FALTA SÃO ARMAS NAS MÃOS DOS BANDIDOS. ATÉ QUANDO?

INTERIOR INVADE CIDADE - Continua a invasão de agricultores, que deixam o interior e vêm morar na cidade. Aposentam-se e vêm buscar uma vida mais cômoda e tranquila. E o interior fica cada vez com menos gente. Há localidades interioranas praticamente extintas. 

TRIGO TEM BOM MOMENTO - Está pintando uma boa safra de trigo, embora o clima seja ameaçador. Além da previsão da boa produtividade do cereal, o preço também apresenta boas perspectivas, principalmente, em face da alta cotação do dólar, evitando que os moinhos importem trigo mais barato da Argentina e dos Estados Unidos. Também influi neste bom momento a queda da produção no Paraná. 

É PRECISO OLHAR COM CARINHO PARA OS IDOSOS. ELES NOS PRECEDERAM E ABRIRAM OS CAMINHOS QUE NÓS TRILHAMOS. ELES, OS IDOSOS, SÃO NOSSO MODELO E INCENTIVO. 

REINA SILÊNCIO - Há silêncio total em torno da extensão industrial na região Oeste da cidade, não tendo surtido efeito a aprovação de Projeto de Lei, oferecendo vantagens para empresas que se instalassem na região. Também reina absoluto silêncio em torno do aproveitamento da Área Industrial II. 

O QUE ESPERAR? - O povo brasileiro e o povo gaúcho esperam dias melhores. Dias melhores significa melhores salários, mais emprego, menos violência, menos roubalheira, menos agressividade e normalidade econômica, mais saúde e melhor educação para nossa gente. Não é esperar muito num momento em que estamos saindo de uma das maiores recessões de todos os tempos? Se cada um fizer a sua parte, podemos vencer. Só não podemos pensar que os novos governantes sejam milagreiros. 

QUEM TEM MORADIA, EMPREGO, BOM SALÁRIO, SAÚDE, COMIDA FARTA, EDUCAÇÃO PARA OS FILHOS LEVANTE AS MÃOS AO CÉU E AGRADEÇA GENEROSAMENTE AO TODO-PODEROSO. 

O que acontece, quando o pássaro preto vem para o teu quintal? Estão dizendo por aí que é mau agouro.



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

30/11/2018   |
23/11/2018   |
16/11/2018   |
01/11/2018   |
26/10/2018   |
19/10/2018   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS