Quarta-feira, 21 de agosto de 2019
Ano XXXI - Edição 1571
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para consumo

28/06/2019 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO - É DIFÍCIL TIRAR CONCLUSÕES - Fica até difícil raciocinar sobre o assunto. Será que no ato da criação do universo, o criador se preocupou da sobrevivência digna dos seres humanos, ou até dos seres vivos? Parece uma pergunta indiscreta. Do jeito que as coisas estão atualmente, a pergunta tem razão de ser. Como é possível haver tanta gente passando fome ao redor do mundo? Como entender que existam tantos seres humanos que não têm onde morar, que não tem sequer o que comer? O lógico seria que cada um tivesse sua ocupação, sua forma de produzir, ter condições de uma sobrevivência sem os horrores do sofrimento da fome, da falta de saúde e desprovido de possuir um patrimônio menor que fosse. Não se ouve os religiosos, que entendem do assunto da criação mais do que ninguém, dar explicações sobre a penúria de parte da humanidade. Talvez, haja explicações. 

BURACOS, BURACOS E MAIS BURACOS - Estouram fortes reclamações por todos os recantos do Estado sobre a multiplicação dos buracos nas estradas. São buracos intermináveis nas ruas da cidade e buracos que não acabam mais pelo interior dos municípios. E o trânsito pede boas estradas, para evitar danos aos veículos e gastos para consertar os estragos. Mas os governantes acenam com a falta de dinheiro. A culpa não é dos governantes. Falta de recursos é uma consequência econômica. A culpa, pois, é da economia. No começo da era do asfalto ninguém se perguntou donde viria o dinheiro para os futuros consertos. Agora, a encrenca está criada. 

UM CONTATO INESPERADO - Durante a semana, um contato telefônico inesperado. Um amigo de infância, fez uma surpresa daquelas, ligando depois de 58 anos, sem contatos. E o reconheci na voz e no jeito de falar. A vida nos reserva surpresas incríveis. Por isso, é preciso valorizar os de perto e os de longe. 
NINGUÉM QUER PERDER NADA, POR ISSO SERÁ DIFÍCIL APROVAR UMA REFORMA DA PREVIDÊNCIA. A DISTÂNCIA ENTRE OS QUE GANHAM MUITO E OS QUE GANHAM POUCO É QUILOMÉTRICA. E o país corre um sério perigo de uma catástrofe. Infelizmente, grande parte dos deputados e senadores só pensam no deles, sobretudo, os políticos de tendência esquerdizante não querem o bem do País. Querem mais um país parecido com a Venezuela. 

BOM DINHEIRO - Bancadas do MDB e PSDB de Independência arrastaram boa grana para Independência na presente legislatura. Seriam cerca de 2,4 milhões os valores conquistados através do empenho de vereadores, cujos recursos foram destinados para diversas obras de infraestrutura. Outros municípios da região adjacente também foram aquinhoados com recursos do governo. Até o momento, infelizmente, não pintou nenhuma notícia sobre o volume de recursos conquistados por vereadores ou pela administração de Três de Maio. Por isso, nossas obras têm que ser custeadas com recursos próprios, ou através de recursos obtidos por empréstimo. 

SÃO JOÃO DOS VELHOS TEMPOS - No dia 24 de junho, voltou à lembrança o Dia de São João Batista, acordaram as saudades dos velhos tempos. O que eram e o que são as comemorações da Festa de São João em Três de Maio. Saudades do arraial do Cardeal Pacelli, nos idos de 1960 e 1970, quando havia fogueira, casamento caipira, apresentações folclóricas, tendas, quentão e quitutes juninos e o povo presente maciçamente. Tudo isso, gente amiga, evaporou, como tantas coisas boas que havia por aí. Entre elas, o saudoso Botal. E vieram outras e outras. 

BOM DINHEIRO - Para a agricultura. Serão destinados R$ 225,5 bilhões de reais para o Plano Safra 2019/2020. Importante este apoio do Ministério da Agricultura para o setor, que é uma das alavancas da economia brasileira. 

"NO FINAL, O BEM VENCERÁ O MAL, A VERDADE VENCERÁ A MENTIRA E A SALVAÇÃO VENCERÁ A CONDENAÇÃO". 
Papa Francisco. 



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

16/08/2019   |
09/08/2019   |
02/08/2019   |
26/07/2019   |
19/07/2019   |
12/07/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS