Terça-feira, 20 de novembro de 2018
Ano XXX - Edição 1534
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

PARABÉNS, TRÊS DE MAIO

10/05/2013 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Quando eu era pequeno - nem me lembro - e o professor Hélio me ensinava a escalação do time do Grêmio, o que acontecia era mais ou menos assim: Picasso, Jair, Ancheta, Beto ... Imediatamente após o Beto dos meus lábios se pronunciava Quincas. Pra quem não sabe o Beto e o Quincas são irmãos e moravam ao lado de nossa casa no Rocinha.

Uso a mesma passagem para estabelecer outra, já na meia idade: Um, Dois, Três de Maio, não é Quatro e muito menos Treze. Encho os pulmões para dizer aos desavisados - ou desinformados - que sou nascido em TRÊÊÊÊÊÊSSSSS DE MAIO. Lá, no interior, distantes 20 km da cidade, tem a ROCINHA, que não é a favela do Rio, que não cresce como aquela, que não está na mídia nacional e internacional, mas que foi capaz de gerar uma descendência de cérebros auspiciosos espraiados pelo Brasil e mundo contando as suas histórias e procurando fazer aquilo que de melhor aprenderam dos seus pais.

Hoje essa jovem senhora Três de Maio completa 58 anos, pouco importa se mais ou se menos, via de regra depois dos 40 muitos começam a esconder a idade. De uma Terra que se desenvolvia progressivamente nos anos 70 - do século passado -, uma Terra alviçareira que via a soja dar os primeiros passos para mais tarde ocupar outros espaços espraiados por esse país tropical, Três de Maio também sofreu com a década perdida dos anos 80, viu seu povo procurar novos espaços, seja saindo de lá, seja criando novas cidades e hoje abriga apenas 23.726 pessoas dispostas a manter as tradições e retomar o rumo do desenvolvimento.Uma cidade que no seu clímax recebeu Vera Fischer, Paulo Sant'ana, Elke Maravilha e outros tantos globais naquele que era o mais importante evento musical do interior do estado e que consagrou, entre outros, o grande João Chagas Leite, à época liderando o Gru Pesquisa e ecoando a sua voz na interpretação de Sementeira. Hoje, se contenta em dizer que fica próxima de Santa Rosa que revelou a Xuxa e de Horizontina que trouxe Gisele Bündchen ao mundo.

Ora, pois, para uma terra com tantas belezas, não apenas de suas lindas flores que a fazem conhecida como Cidade Jardim, eis chegado o momento de produzir a sua própria celebridade. Porém, talvez não seja isso que a cidade precise, prefiro acreditar que todos os seus moradores são um pouco célebres, cada qual a luz de suas atividades, contribuindo a sua maneira para uma cidade melhor.

Três de Maio da educação, do Cardeal Pacelli, do Dom Hermeto, da São Francisco, da Castelo, culminando com importantes cursos superiores na Setrem, entre os quais aquele que tão bem formou o internacional Vinícius. Três de Maio das farmácias e bares a beira da avenida central, já está na hora de um espaço mais adequado para receber a Cassolada às vésperas de um novo ano. Três de Maio cuja agricultura sofre com secas prolongadas, mas que precisa diversificar para ampliar as possibilidades de renda dos seus agricultores. Três de Maio da indústria e do comércio forte que teve na Tecidos Buricá uma de suas precursoras. Três de Maio das igrejas, católica e evangélica, capazes de arrebanhar multidões em datas comemorativas. Três de Maio Bo-Tal, como eram lindas as tardes de domingo quando as cores preto e branco ou verde e branco desfilavam pelos gramados locais.

Parabéns, Três de Maio. Te quero grande, não em tamanho, mas em simpatia com suas coloridas flores; te quero forte, bradando a força de seu povo e suas diferentes etnias; te quero desenvolvida, para que esse mesmo povo tenha oportunidades de se fixar e crescer junto com a cidade. Três de Maio, mesmo de longe nunca te esqueço e quando posso faço questão de te abraçar. Cuide dos meus familiares, cuide bem do seu povo, estes sim são a sua força e glória na busca por novos caminhos.
Parabéns! Até breve.

Luís César




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

16/11/2018   |
09/11/2018   |
19/10/2018   |
11/10/2018   |
05/10/2018   |
28/09/2018   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS