Sábado, 17 de novembro de 2018
Ano XXX - Edição 1533
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Sicredi Noroeste RS projeta R$ 133 milhões para o Plano Safra 2013/2014

14/06/2013 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
R$ 115 milhões serão direcionados para custeio, comercialização e investimento com linhas do Pronaf, Pronamp e voltadas aos demais produtores

A Sicredi Noroeste RS quer bater mais um recorde na disponibilização de recursos com o ciclo 2013/2014 do Plano Safra, que começa no dia 1º de julho. A cooperativa de crédito projeta manter a posição de destaque de maior agente de crédito rural de sua área de atuação com a liberação de R$ 133 milhões em crédito rural, com previsão de efetivar cerca de sete mil operações.
Segundo o presidente Glei Amaro Linhares, a liberação de recursos pelo Sicredi registra crescimento constante em valores e em número de operações nos últimos anos. "No Plano Safra 2012/2013 que está encerrando, o montante liberado foi de R$ 96 milhões em 6.663 operações de financiamentos. Foram investidos 83 milhões em 6.380 operações de custeio e 13 milhões em 253 operações de investimentos", informou.
O montante de R$ 133 milhões, para a Safra 2013/2014 é 38% maior do que o Plano Safra anterior.   R$ 115 milhões serão direcionados para custeio, comercialização e investimento com linhas do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) e voltadas aos demais produtores. Os outros R$ 18 milhões serão liberados em operações com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Bando Regional de Desenvolvimento Econômico (BRDE).
De acordo com o presidente da cooperativa, a expectativa é que proximadamente 20% do total dos recursos será destinado aos associados de Três de Maio, somando em torno de R$ 25 milhões. Os demais municípios deverão absorver o restante dos recursos.
Linhares enfatiza que nenhum associado que procurar as unidades de atendimento do Sicredi Noroeste RS voltará para casa sem ser atendido. "Temos recursos para atender 100% da demanda. Hoje com a flexibilização da renda, do Pronaf que aumentou e facilitou o enquadramento, nós acreditamos que então ficará 50% destinado ao Pronaf e outros 50% ao Pronamp e demais produtores", assinala.


Meta é aumentar em 10% a contratação de recursos

Conforme o presidente, a cooperativa tinha um valor destinado para a safra de inverno em torno de R$ 20 milhões. "Praticamente todo o valor será repassado ao nosso quadro social. Temos ainda mais R$ 95 milhões para a safra de verão - soja e milho, cuja contratação inicia dia 1º de julho". Paralelamente a liberação dos recursos para formação das lavouras, plano safra 2013/2014, a Sicredi Noroeste RS está concluindo as contratações 1.033 operações de custeio de trigo no valor total de R$ 15,3 milhões de reais.
Ele ressalta que a intenção da cooperativa é aumentar em pelo menos mais 10% a quantidade de associados beneficiados com os recursos do Plano Safra 2013/2014. "Na safra passada, tínhamos um volume de recursos na faixa de R$ 85 milhões e para este ano passamos para um volume total de R$ 115 milhões. Isso coloca o Sicredi Noroeste RS como instituição financeira, na nossa área de ação, nos 12 municípios, que mais coloca recursos à disposição da nossa região para aplicação em custeios de lavouras", completa.


Orientação aos associados

A recomendação da cooperativa é que, antes de solicitar o crédito, o associado faça o planejamento da próxima safra - o que vai plantar, qual é a área de cultivo e o orçamento necessário com base na análise de solo e sob orientação técnica sobre o uso dos insumos e os demais serviços que serão utilizados. Com todas as informações em mãos, o associado pode procurar a sua unidade de atendimento Sicredi para dar andamento na proposta e demais procedimentos para aprovação e liberação do crédito. 


Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

28/09/2018   |
27/07/2018   |
18/05/2018   |
27/04/2018   |
02/03/2018   |
14/07/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS