Domingo, 23 de setembro de 2018
Ano XXX - Edição 1525
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Valorização da soja estimula aumento do plantio

28/10/2013 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Em Três de Maio, segundo Emater, área não deverá ter acréscimo e deve ocupar 25 mil hectares

Os produtores brasileiros devem plantar na safra 2013/14 um recorde de 29,5 milhões de hectares de soja, estimulados por preços favoráveis da commodity. Atualmente, o preço pago para a saca de 60 quilos chega até R$ 66 em algumas regiões do País e do Rio Grande do Sul.
A estimativa é que a produção seja de 89,7 milhões de toneladas, o equivalente a 8,3 milhões de toneladas a mais do que na safra passada. No País, o plantio alcançou em torno de 10% da área estimada, até o início desta semana.
No RS, as plantações de soja devem ocupar 4,6 milhões de hectares, o que equivale a 67% da área de grãos. Para este ano, a expectativa é de que o cultivo avance para 70% do espaço disponível para o plantio. Este crescimento deve ocorrer sobretudo em áreas da Campanha e Fronteira Oeste, onde a soja ocupa áreas antes reservadas ao arroz e a pecuária.
A Associação dos Produtores de Soja do Estado (Aprosoja-RS) aponta que nessas regiões o incremento na produção deve chegar a 10% nesta safra, o que impactaria em um acréscimo de 10% da área gaúcha. Mantendo os preços atuais, isso representaria cerca de R$ 500 milhões adicionais ao Estado. Mas o acréscimo na produção também oferece riscos, pois os sucessivos recordes na produção de soja no Rio Grande do Sul despertam para os problemas de logística, como transporte e armazenamento, que encarecem a produção.
Atualmente, falta espaço para guardar a soja colhida, conforme dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Os armazéns do Estado têm capacidade para receber 31,5 milhões de toneladas de grão. Mas a produção de 28 milhões de toneladas já oferece risco ao setor que deveria ter capacidade de receber ao menos 33 milhões de toneladas.

Em Três de Maio, área não deve ter acréscimo
Em Três de Maio, conforme o engenheiro agrônomo da Emater, Fábio Karlec, alguns produtores já estão preparando as áreas para o plantio da soja, fazendo a dessecação. Nas outras áreas os produtores esperam a finalização da colheita de trigo para iniciar a desecação e semeadura.
Segundo Karlec, a expectativa de área a ser semeada para essa safra deve se manter igual a da safra passada, equivalente a 25 mil hectares. Em 2012/2013, a média de produtividade da soja ficou em 45 sacos/hectare, prejudicada parcialmente pela falta de chuvas.

FOTO DIVULGAÇÃO/JS



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

27/07/2018   |
18/05/2018   |
27/04/2018   |
02/03/2018   |
14/07/2017   |
23/06/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS