Quarta-feira, 20 de março de 2019
Ano XXX - Edição 1549
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para Consumo

08/11/2013 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO - A ÉTICA FOI PARA O SACO  - Nenhuma outra expressão serve melhor do que esta para a ética do nosso tempo. Ela está escrachada. Foi para o saco, para sintonizar com o dizer do vulgo. As pessoas, muitas delas, não têm mais vergonha na cara. Fazem qualquer negócio. Topam qualquer coisa. Esquecem os bons princípios. Muitas vezes, até a lei. Não tem mais aquele do onde termina o meu direito, começa o direito do outro. Há aqueles que atravessam tudo, desde que venha a nós o vosso reino. Isso é profundamente lamentável. O respeito foi para as cucuias. É a falta de honradez do nosso tempo tão escasso de virtudes. Isso, obviamente, contribui com a criminalidade em expansão, que avança a cada dia que passa com mais ímpeto e furor. Até onde nós vamos, só Deus sabe. Negócios são atravessados. Injustiças são perpetradas. Compromissos assumidos não são cumpridos. É uma gama interminável de safadezas que comprometem a ética tão necessária para a boa convivência pacífica. Infelizmente, não existe legislação específica que obriga o cidadão a ter ética.
SENTENÇA - A tão esperada sentença veio, finalmente, depois de dois anos e 10 dias. O 402 do Condomínio Dom Rodrigo teria que ser desocupado espontaneamente, ou então, despejo compulsório. Para alegria do inquilino, cujas iniciais ainda vou dar - vai ganhar tempo - houve recurso. Todo mundo está preocupado com o meu Calvário por quase nada. Só lamento o tempo que se perde. Parece que o famoso ocupante do imóvel quer de graça o 402. Todos querem as iniciais.
DESASTRADA - Segundo entende o ex-ministro da Fazenda, Maílson da Nóbrega, "O País tem uma desastrada  política fiscal, que esconde os excessos e mina a credibilidade". Se palavra de ex-ministro, deve ser a informação verdadeira. ELE AINDA PERGUNTA: O BRASIL VAI VIRAR UMA ARGENTINA?
AUMENTO DOS COMBUSTÍVEIS - Lá na frente já se falava do aumentos dos combustíveis. Agora, o assunto volta à tona. A Petrobras(agora sem acento) está travando a muito tempo e os déficits estão crescendo a milhões. Mas parece que o governo não consegue mais segurar a onda e se fala em aumento imediato da gasolina em 6% e do óleo diesel 19%. E a inflação vai acelerar.
É PRECISO SEGURAR A ONDA DA CRIMINALIDADE. E O GOVERNO ESTÁ SE EMPENHANDO PELA SEGURANÇA DOS CIDADÃOS?  VAMOS E VENHAMOS. É HORA!
SÓ PREGAR OTIMISMO NA MÍDIA NÃO FORTALECE NOSSA ECONOMIA. FALTAM AÇÕES.
INTERESSANTE - É muito interessante o procedimento do governo em face dos Black Blocs - aqueles mascarados que arrebentam tudo. O governo diz que precisa dialogar com eles, para ver a profundidade do problema. Parece haver tolerância. Não adianta lamentar, é preciso agir.
EM VIDA - As pessoas deveriam ser valorizadas em vida. E não pós-morte, como é de costume. Assim, o ocupante de cargo deveria ter seu valor reconhecido enquanto desempenha as funções. Não muito tarde, gostaria de destacar o trabalho magnífico do ex-secretário de Saúde, que durante quase cinco anos esteve à testa da Secretaria. Além de profundo conhecedor da área de saúde, foi um cavalheiro e um gestor emérito. Seus préstimos são impagáveis. Merece o reconhecimento.


Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

15/03/2019   |
08/03/2019   |
01/03/2019   |
22/02/2019   |
15/02/2019   |
08/02/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS