Sábado, 21 de outubro de 2017
Ano XXIX - Edição 1479
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Dezembro... O mês das confraternizações

10/12/2013 - Por Yara Lampert
Tweet Compartilhar
Dezembro chegou. É, o ano está no fim. Com a chegada do último mês do ano, também vêm as confraternizações, festas, muitas festas.  Se por um lado, somos tomados pelo espírito da nostalgia e pelo sentimento de paz, amor e solidariedade, por outro, surge um sintoma comum nesta época do ano: o estresse de Natal. São tantas coisas para fazer, que para muita gente, o mês de dezembro, precisaria ter mais alguns dias. 

Não bastassem tantas coisas para providenciar ainda precisamos cumprir todos os rituais e exigências da época, tudo antes do Dia de Natal. Com isso, o mês de dezembro acaba ficando mais curto, com apenas 25 dias. Correrias à parte, somos convocados a confraternizar, e vamos combinar, confraternizar e ter com quem confraternizar, é muito bom.  
Demandas, exigências de prazos, organização da casa, compras,  etc, etc...Junto da data mais festiva do ano, emoção e correria, "Coisas de Natal, Coisas de Final de Ano". Temos que viver o momento, o certo é que, a época é especial, com estresse ou sem estresse, as festividades fazem parte da nossa vida. 

Dicas para aliviar a correria  

1) Organize as finanças:  O início dessa organização é identificar todas as despesas fazendo uma lista e apresentar para a família estabelecendo objetivos em conjunto. Seja qual for a estratégia adotada, é essencial saber que, para obter ótimos resultados, é importante organização, disciplina e muita força de vontade. O grande objetivo é: Gaste menos do que a sua folha de pagamento.

2) Planejamento:  Aproveitar as oportunidades é importante, entretanto, é necessário agir antecipadamente com suas estratégias.Para manter um caixa saudável, a condição é o planejamento. Lembre-se, suas outras obrigações de pagamentos, seguem neste mês também. 
3) Compras de Natal:  Não saia por ai, comprando por comprar, faça uma lista de presentes, e veja a necessidade de cada um dos seus presenteados. Evite deixar as compras para a semana do Natal.

4) Ganhe tempo com os jantares do final de ano: Com a correria, muitas vezes ficamos cansados para preparar aquele banquete que é essencial para o Natal e final de ano. Duas sugestões: Divida os afazeres com todos os amigos e familiares, ou, faça uma reserva em seu Restaurante preferido, mas lembre-se, tudo deve ser feito com bastante antecedência.

5) Programe sua viagem de férias:  Planejar as férias é fundamental. Faça um planejamento da sua viagem com antecedência e compatível com seu bolso e não se estresse mais com esse quesito em dezembro.

Mantendo o Peso durante as Festas 
Nessa época a atenção ao peso e à saúde do organismo deve ser redobrada, especialmente, diante de tanta fartura nas confraternizações.  Como resistir às tentações?  Como controlar os excessos? 
-Opte por alimentos naturais, como frutas, legumes e verduras que contêm vitaminas e minerais essenciais para o bom funcionamento do organismo. 
-O ideal é manter o controle, mas se for para exagerar escolha um único dia. Como os dias serão de muitas festas, não exagere em todas que frequentar.
-Dosar as refeições, em porções pequenas, também é uma forma de balancear o peso. 
-Observar a qualidade dos alimentos e os horários das refeições, pode ser um aliado a nosso favor.
-Um cuidado maior deve ser tomado com o consumo exagerado de bebida alcoólica. Além de estimular o apetite, o álcool pode causar desidratação, por isso intercale o álcool com sucos e água. 
-Outra dica é trocar a sobremesa por frutas. É difícil resistir à tentação quando aquelas sobremesas maravilhosas são servidas, mas, para conseguir manter a forma, é melhor manter o controle e substituí-las. 

Erro na Dieta
Não pule as refeições, para compensar outra. De estômago vazio, o apetite será muito maior, por isso, o ideal é fazer uma refeição leve, pouco antes da ceia, uma fruta, uma salada, ou um sanduíche de pão integral.

Bom Humor nas Festas
Mantenha sempre o bom humor. A época é de festa e confraternização. Neste período ou em qualquer outro, pessoas mal humoradas, de mal com a vida e agressivas, não são bem vindas. Em contra partida, as pessoas educadas, de bom humor, com espírito de paz e de bem com a vida, "São Muito, Bem Vindas", na verdade, elas são essenciais para a boa festa.

Cuide do Espírito
A época, não é somente de compras e festejos gastronômicos. Cuidar do espírito e da paz interior, também é fundamental. Portanto, tire um tempo para as orações, cultive a sua fé e participe da programação da sua igreja. 




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

13/10/2017   |
06/10/2017   |
29/09/2017   |
22/09/2017   |
15/09/2017   |
08/09/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS