Quarta-feira, 20 de março de 2019
Ano XXX - Edição 1549
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

A Coluna do J

21/03/2014 - Por J Moraes
Tweet Compartilhar
CANALHICE E BURRICE: A descoberta de mais uma etapa da fraude do leite mostra até que ponto alguns estão dispostos a ir em busca do lucro fácil. Revolta a população.  Mesmo sabendo que podem ser descobertos a qualquer momento não desistem. Burrice. A eles o que menos interessa é a saúde dos consumidores, desde que isso seja lucrativo. Canalhice.

ENTENDA QUEM QUISER: Uma das principais reivindicações  do CPERS   junto com o aumento salarial é a contratação de 13 mil professores  concursados. Ora, se o governo se queixa que não tem dinheiro para pagar os que estão aí, como terá para dar aumento e pagar mais os concursados. 

COVEIROS: Raciocínio simples nos leva a conclusão de que  os professores só não tem bons salários por dois motivos básicos: o  Estado está quebrado e o grande número de professores.  Cerca de 165 mil, sendo 77 mil ativos e quase 87 mil inativos. Um aumento consistente e merecido para os mestres seria insuportável para os cofres públicos. A esperança está depositada nas profundezas do pré-sal. Mas vai demorar ainda para vir à tona . Até lá, o CPERS vai ter que se contentar em enterrar candidaturas a reeleição ao governo do Estado.

MAL ACOSTUMADOS: Entra ano, sai ano, e o transporte escolar continua  gerando discussão, sem uma solução definitiva. Os municípios reclamam que  o dinheiro que o Estado repassa é insuficiente. Os pais por seu lado não querem nem saber, exigem que os seus filhos sejam buscados  na porta de casa. Comodismo? Pode ser. Mas ninguém manda prometer.

PIMENTA NOS OLHOS: A ameaça do Hospital  São Vicente de Paulo de Três de Maio perder a referência regional na área de oftalmologia uniu oposição e situação do município.  Prefeito Casali e  o médico Altair Copatti, que se enfrentaram nas últimas eleições, agora estão juntos na defesa da permanência do hospital como referência.  Que o  hospital também seja referência  em agilidade no serviço. Atualmente,  um paciente pode aguardar 4 ou 5 meses para conseguir uma consulta para os olhos.  Pimenta nos olhos dos outros é...

TO NEM AÍ : Vem aí mais uma Consulta Popular do Governo do Estado. A população vai ser convidada mais uma vez para participar da elaboração do orçamento do Estado e sugerir prioridades para a sua comunidade.  O processo não consegue entusiasmar a população.  A participação da comunidade  estacionou em pouco mais de 10 por cento dos eleitores. 

BOM FINAL DE SEMANA: Curtindo a qualidade e talento do The Platters. 



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

23/12/2016   |
16/12/2016   |
12/12/2016   |
02/12/2016   |
25/11/2016   |
18/11/2016   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS