Terça-feira, 18 de junho de 2019
Ano XXXI - Edição 1562
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Click Social

18/07/2014 - Por Yara Lampert
Tweet Compartilhar
Os bons dias lhe dão felicidade. Os maus dias lhe dão experiência. Ambos são essenciais para vida. A felicidade te faz doce, os problemas te mantém forte, a dor te mantém humano, as quedas te mantém humilde, o êxito te mantém brilhante. Mas só Deus te mantém de pé". A. D.

Alemanha
Sim, eu estava torcendo pelo Brasil. Apesar de não concordar com os gastos exorbitantes da possível corrupção em relação à Copa do Mundo e dos excessos de estrelismo para alguns jogadores. Achei que toda referência à Seleção Brasileira era exagerada, muito merchandising para pouco futebol. Venceu a Alemanha, sem dúvida, a melhor  Seleção. A que tinha determinação, tática, conjunto, técnica, humildade, organização e harmonia entre os jogadores. A  Alemanha tinha  uma Seleção de jogadores de alto nível, sem precisar enaltecer somente um, até porque, para vencer é necessário uma equipe. Venceu a minha segunda opção, parabéns Alemanha, VIVA, PROST!

Povo Brasileiro X Presidente Dilma
Sobrou alegria e receptividade para o povo brasileiro durante a Copa do Mundo, enquanto que a Presidente Dilma foi extremamente deselegante no encerramento da Copa do Mundo. O que vimos durante o jogo da Alemanha x Argentina e na entrega da premiação da Copa do Mundo foi uma Presidente sem noção. Na minha humilde opinião, faltou educação e simpatia.



A Copa do Mundo de 2014 terminou de forma positiva, pelo menos para a Fifa.
A entidade que organiza a competição divulgou alguns dados dentro e fora de campo. Veja os dados.

Gols: 171 (igualou o recorde da França em 1998)
Média de gols: 2,67
Cartões amarelos e vermelhos: 177/10
Público presente: 3.429.873 (2º melhor da história) - EUA 1994 (3.587.538 em 52 jogos)
Melhor ataque: Alemanha - 18 gols
Pior ataque: Camarões, Honduras e Irã - 1 gol
Defesa que mais cedeu gols: Brasil - 14 gols
Melhor defesa: Costa Rica - 2 gols
Número de pênaltis: 13 (12 convertidos)
Número de gols contra: 5
Gols marcados por reservas: 32 (18,71%)
Gols no 1º tempo x 2º tempo: 65 x 98
Gols nos acréscimos do 1º tempo: 3
Gols nos acréscimos do 2º tempo: 12
Gols nos primeiros 10 min:  11 (6,43%)
Gols nos últimos 10 min: 35 (20,47%)
Gols na prorrogação: 8 (4,68%)
Maior artilheiro:  James Rodríguez (COL) - 6
Mais jovem a marcar: Julian Green (EUA), 19 anos, Bélgica x EUA
Gol mais rápido:  Ckint Dempsey (EUA), aos 30s, Gana x EUA
Maior vitória e jogo com maior placar: Brasil 1 x 7 Alemanha
Maior quantidade de cartões amarelos: Brasil - 14
Menor quantidade de cartões amarelos: Portugal - 2
Maior quantidade de cartões vermelhos: Bélgica, Camarões, Costa Rica, Croácia, Equador, Grécia, Honduras, Itália, Portugal e Uruguai
Participação
- 14 mil voluntários selecionados para participar da Copa
- Mais de 1000 shows ao vivo nos Fifa Fan Fests
Países que mais compraram ingressos
Brasil - 1.624.294
EUA - 203.964
Argentina - 63.128
Alemanha - 60.991
Inglaterra - 58.690
Seleções
- 11 toneladas de sementes de inverno para a manutenção dos gramados
- 2.300 litros de tinta para marcação das linhas dos gramados
- 2.340 toalhas de banho para atletas e árbitros
- 22 mil kits banho (shampoo, sabonete, necessaire) para atletas e árbitros
Serviços médicos
- Mais de 2 mil profissionais de saúde nos estádios
- 112 ambulâncias nos estádios
- 105 postos médicos nos estádios


Confira os clicks da Coluna!



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

14/06/2019   |
07/06/2019   |
31/05/2019   |
24/05/2019   |
17/05/2019   |
10/05/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS