Segunda-feira, 15 de julho de 2019
Ano XXXI - Edição 1566
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para Consumo

15/08/2014 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO  -  VOCÊ TEM QUE PROVAR SEMPRE DE NOVO  -  Não adianta fazer o bem uma vez na vida. Não basta vencer uma competição e depois se atirar no "dolce far niente". Não é suficiente provar uma única vez suas boas virtudes e depois arriar. A vida nos exige constantes provas de altruísmo, de boa educação, de bons desempenhos. O atleta não pode jogar bem uma partida e, depois disso, se atirar nas cordas. Ninguém levanta troféus por causa de uma única vitória obtida. A vida nos cobra luta constante, árdua e permanente. O galardão só vem depois de enfileirar sucessivos triunfos. Por isso, não se pode fracassar. Não se pode parar no tempo. Uma boa nota não garante sucesso. É preciso provar, provar e provar. É preciso lutar, lutar e lutar. Esta constância vale para todos os dias da vida, em todas as camadas da atividade humana. Em nenhum minuto, em nenhum segundo se pode deixar a peteca cair. Bobeou, tombou. E deu pra bolinha. E  vamos admitir que esta constância está escassa no mercado. Há poucos que são como o encanzinado alpinista que experimenta uma, duas, dez vezes e não desiste na escalada. Para subir na vida é preciso ter virtudes de alpinista.  

O LEITE É A BOLA DA VEZ -  Não passa semana que não se tem notícia sobre leite adulterado. É leite misturado com álcool etílico, com água, com formol e o escambau. Tudo visando lucrar mais, usando práticas desonestas, prejudiciais ao consumidor. Até as Cooperativas Santa Clara e Piá, respectivamente, de Carlos Barbosa e Nova Petrópolis, que conheço pessoalmente e que têm larga tradição, estariam envolvidas nas trapaças. Não acredito. Não acredito mesmo!

PRODUTORES RURAIS QUEREM MAIS ATENÇÃO DOS FUTUROS PRESIDENTES.
A logística não acompanhou o crescimento da produção primária. Por isso, a grita.

SONEGÔMETRO -  Sem dúvida, é um sonegaço que está acontecendo neste País. A sonegação de impostos neste ano está próximo dos R$ 300 bilhões. Só pagam religiosamente os impostos  os trabalhadores, que têm descontados os tributos em folha, entre eles, professores e servidores públicos. Até o fim do ano, a previsão das perdas de receita é de R$ 500 bilhões. Pode?

MAIS ETANOL -  Vai subir para 27,5% a adição de etanol à gasolina. Atualmente o percentual é de 25%. Perde o consumidor e ganha a Petrobras. Não se fala em baratear o combustível.

OS ABSURDOS ACONTECEM -
Entre os absurdos, está a lei da palmada. Outro absurdo foi a tentativa de beneficiar o estudante indisciplinado pelo Conselho Estadual de Educação(CEEd).

QUEDA -  A produção de carros está em queda vertical e vertiginosa. A produção de veículos caiu 20,5% em julho. No ano, de janeiro a julho, a queda da produção atinge 17,4%. Pode vir pacote.

APOSENTADOS LEVAM A PIOR  - Durante 10 anos, os aposentados estão perdendo, por causa da correção monetária anual. Os cálculos feitos pela Previdência Social são sempre abaixo do  índice inflacionário, embora a Constituição Federal mande preservar o valor real dos benefícios. Deste jeito, todos os anos os aposentados perdem poder  de compra. O teto atual da aposentadoria é de R$ 4.390,00. Quanto ganham, hoje, os que se aposentaram 10 anos atrás pelo teto?




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

12/07/2019   |
05/07/2019   |
28/06/2019   |
21/06/2019   |
07/06/2019   |
31/05/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS