Quinta-feira, 29 de junho de 2017
Ano XXIX - Edição 1462
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Língua Portuguesa pode ficar sem "ç", "ch" e "ss"

22/08/2014 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Uma nova proposta de reforma ortográfica, que está em elaboração pela Comissão de Educação do Senado, está no centro de uma polêmica. As novas regras para o português devem ser apresentadas pelo grupo técnico da Comissão de Educação até 12 de setembro.

Conforme o presidente da comissão, senador Cyro Miranda (PSDB-GO), o principal objetivo é simplificar a ortografia e, principalmente, padronizar a gramática com outros países.

Por isso, dois especialistas foram chamados para coordenar o grupo técnico, os professores de português Pasquale Cipro Neto e Ernani Pimentel. "Por enquanto estamos juntando sugestões. Pretendemos redigir o conjunto de regras e apresentar entre 10 e 12 de setembro, no Simpósio Internacional Linguístico-Ortográfico da Língua Portuguesa, em Brasília. Esse projeto será levado ao Senado, que irá realizar uma audiência pública para ouvir todos que quiserem contribuir", disse Pimentel.

Na avaliação da doutora em Filologia Românica e professora do Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada da Unisinos, Dorotea Kersch, a proposta é um "absurdo, a legítima falta de ter o que fazer". "Não é simplificando a ortografia que resolvemos os graves problemas de leitura e escrita de nossos alunos, que são escancarados a cada avaliação sistemática. Quem sabe os senadores se preocupam com coisas que realmente impactam o ensino, como salário de professores, ou uma política de ensino de língua adequada às diferentes realidades do Brasil", rebateu a doutora.

Confira a matéria completa no jornal impresso




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

23/09/2016   |
05/02/2016   |
04/12/2015   |
30/10/2015   |
19/06/2015   |
05/06/2015   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS