Domingo, 15 de setembro de 2019
Ano XXXI - Edição 1574
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

A Coluna do J

07/11/2014 - Por J Moraes
Tweet Compartilhar
OPERAÇÃO CARGA PESADA desencadeada na prefeitura de Horizontina deixou  muitos de barbas de molho. As fraudes nas licitações, de acordo com o Ministério Público, podem chegar a R$ 26 milhões.  Até agora, as investigações não apontam o envolvimento de nenhum prefeito. Apenas de colaboradores de 1º e 2º escalões.  

DEVE ADENTRAR a Câmara de Vereadores de Três de Maio nos próximos dias um dos projetos mais polêmicos da atual legislatura. Trata-se do  projeto que autoriza o aumento do IPTU. Esse projeto é uma espécie de atualização do valor  venal dos imóveis. O TCU vem cobrando a algum tempo que essa atualização seja feita.

PARA SE TER uma ideia, se essa atualização for feita ao pé da letra, de acordo com o Executivo, o aumento para muitos imóveis poderá ser acima de 150%. E aí reside a discordância dos vereadores que não querem arcar com esse ônus. Argumentam que a recuperação dessa defasagem deve ser gradativa e não em uma tacada só.

DESDE o último sábado, algumas infrações de trânsito estão quase 1000% mais pesadas. Um senhor  aumento, tanto em dinheiro quanto em punição.  Os irresponsáveis do trânsito vão pensar  duas  vezes antes de cometer loucuras,  que causam  mortes e deixam cicatrizes profundas, para toda a vida, em muitas famílias.

ONDA DE ARROMBAMENTO preocupando as autoridades e a população. Os larápios tem agido mais nos fins de semana. E a ação dos criminosos não se limita ao perímetro urbano. Cada vez mais aumentam as ocorrências na zona rural . A população tem  que fazer a sua parte. Um descuido de alguns minutos e lá se vai um bem que você levou anos para adquirir.  Acabar com esse tipo de ação dos  ladrões e arrombadores é difícil. Mas dificultar ao máximo a ação deles é possível  com algumas medidas básicas.

A FRAUDE NO PRONAF é uma demonstração de que quase nada escapa dos golpistas. Praticamente tudo nesse país é vulnerável para a prática de golpes. Bolsa Família, merenda escolar, Minha Casa Minha Vida, Pronaf etc. Parece que são feitos sob encomenda para os golpistas.  E o pior é que  depois de algum tempo, fica o dito pelo não dito, o feito pelo não feito. Ninguém devolve o dinheiro afanado, e a vida segue. Êta brasirzão sô.

 A IMPUNIDADE campeia livre, leve e solta. Os grandes ladrões e corruptos têm vida mansa e privilegiada. E quando alguém vai para a cadeia, tem o benefício da delação premiada, do regime semi-aberto, e da prisão  domiciliar. E assim caminha a nossa justiça. Cadeia no Brasil não foi feita pra rico, é para quem tem as costas quente. Argh... 
     
BOM FINAL DE SEMANA, uma boa pescaria, curtindo o som country de Willie Nelson.



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

23/12/2016   |
16/12/2016   |
12/12/2016   |
02/12/2016   |
25/11/2016   |
18/11/2016   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS