Quarta-feira, 23 de agosto de 2017
Ano XXIX - Edição 1471
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Natal e seus símbolos

19/12/2014 - Por Yara Lampert
Tweet Compartilhar
Árvore de Natal
Entre as várias versões sobre a procedência da árvore de Natal, a maioria delas indicando a Alemanha como país de origem, a mais aceita atribui a novidade ao padre Martinho Lutero, autor da Reforma Protestante do século XVI. Ele montou um pinheiro enfeitado com velas em sua casa. Queria assim, mostrar as crianças como deveria ser o céu na noite do nascimento de Cristo. Sob o ponto de vista religioso, a árvore de Natal, toda verde, é sinal de vida, enquanto as bolas penduradas significam os bons frutos oferecidos por Jesus a Humanidade.

Velas
Já as velas representam a presença de Cristo como luz que ilumina o caminho dos homens e aquece os nossos corações. 

Noite Feliz
A canção mais popular da noite de Natal "Noite Feliz", nasceu na Áustria, em 1818, na cidade de Arnsdorf.  A melodia é do músico Franz Gruber.

Jesus
Para os cristãos, Jesus é considerado o Messias, aquele que, com seu amor e bondade, veio ao mundo livrar todos os homens de seus pecados. A data do seu nascimento, o Natal, é comemorada na passagem do dia 24 para o dia 25 de dezembro.

A Manjedoura
Como é que Jesus, o Rei dos Reis, nasceu numa gruta que servia de estábulo? E mais: cercado por animais e saudado por pobres pastores? Acredite se quiser, aquele que era considerado o Messias nasceu num lugar simples assim, sem nenhum luxo ou ostentação.
Por isso, no presépio, a Manjedoura o cocho onde os animais comiam e que serviu de berço para Jesus, simboliza uma das maiores e primeiras lições que Cristo nos ensinou: a humildade, pois, apesar de poder ter nascido num palácio, ele escolheu nascer no lugar mais simples da Judéia, em Belém.

Estrela de Belém
Reza a tradição crista que, na época do Natal, uma estrela de grande brilho surgiu no céu, indicando a todos o local onde nasceria o Messias. Com sua luz inconfundível, foi a Estrela de Belém que guiou os três Reis Magos até o estábulo que abrigava Maria, José e o menino Jesus.

Os Três Reis Magos
Montados em seus camelos, três reis atravessaram grandes desertos, desafiando o sol ardente, a sede e inúmeros outros perigos para chegarem a Judéia. O velho europeu Belchior, o jovem africano Gaspar e o asiático Baltazar haviam visto a Estrela de Belém brilhando e, guiados por ela, viajaram muito para saudar a chegada daquele que, segundo a profecia, seria o Rei dos Reis. 

Papai Noel
Alguns acreditam que ele surgiu na Idade Média, quando a peste matou milhares de crianças. A lenda dizia que Noé, o mesmo que construiu a arca, teria pedido a Deus que o enviasse novamente a terra, para que pudesse alegrar um pouco os pequeninos. Deus aceitou, e então Noé surgiu como o velho Noel distribuindo bichinhos de sua coleção de animais para divertir a garotada.

Outra versão é, que Papai Noel foi um bispo católico muito bondoso, chamado Nicolau, que viveu no século V. Cansado de ver o sofrimento de seu povo, especialmente das crianças, ele resolveu presentear a garotada com brinquedos e comida todo final de ano. Por isso, Papai Noel também é conhecido como São Nicolau, o santo das crianças.

O Natal no mundo

Estados Unidos
Na véspera de Natal, vizinhos se unem para cantar "Christmas Carols" (canções de Natal), mostrando o espírito de onfraternização. As crianças penduram meias na lareira e na manha do dia 25 de dezembro, abrem os presentes tão sonhados. O prato típico americano é o peru recheado, acompanhado de frutas tropicais.

Japão
O Natal no Japão é cheio de significados e a troca de presentes fortemente apreciada pelos japoneses. As crianças adoram conhecer a história do nascimento de Jesus numa manjedoura.

Índia
Os cristãos na Índia decoram pés de manga e bananeiras no Natal. Algumas pessoas decoram suas casas com folhas de manga, Em partes da Índia, pequenas lâmpadas de argila são acesas com óleo e servem também para decorar a casa.

China
As casas são enfeitadas com lanternas e árvores de Natal, com correntes e flores de papel. As crianças penduram meias e esperam pelo Papai Noel. Já que a maioria dos chineses não é crista, a maior celebração do inverno é o Ano Novo Chines, no fim de janeiro. Nessa data as crianças recebem roupas e brinquedos novos e são servidos pratos especiais.

Suécia
As festas de Natal começam no dia 6 de dezembro, dia de São Nicolau. Nesse dia, as crianças escrevem suas cartas de pedidos. Os presentes chegam no dia 25, na noite de Natal.

Significados das cores das Velas de Natal

Vela Vermelha: Lembra Isaias, profeta que anunciou 1000 anos antes a vinda do Salvador.

Vela Azul: Lembra João Batista que anuncia que está próximo o Salvador, orai e preparai os caminhos.

Vela Cor de Rosa: Lembra Maria, filha de Israel, que deu o seu "Sim" e dela nasceu o Salvador.

Vela Amarela: O símbolo de ouro e da realeza, que vem em sua plenitude para seu povo e quer morar entre o povo que o ama.

Curiosidades sobre o Natal
O peru de Natal foi servido pela primeira vez como prato principal da ceia em 1621, durante o dia de Ação de Graças, no estado de Massachusetts, nos Estados Unidos.

O presépio foi uma criação de São Francisco de Assis.

As bolas natalinas surgiram para substituir as maçãs que eram colocadas nas árvores de Natal como enfeites.

A figura do papai Noel é uma homenagem ao bispo católico São Nicolau, que presenteava crianças pobres no século IV.

A frase Feliz Natal pode ser dita da seguinte forma em outros idiomas: francês - joyeux Noel; inglês - merry christmas; alemão - frohe weihnachten; espanhol - feliz navidade; italiano - buon natale; e em polonês - wesotych swiat.

Cerca de 40% dos brinquedos dados às crianças no Natal são quebrados em março.

A Estátua da Liberdade foi um presente de Natal dado pela França aos Estados Unidos.

A música natalina Jingle Bells foi à primeira canção cantada no espaço, no dia 16 dezembro de 1965.

Fonte: 
http://www.sitedecuriosidades.com/curiosidadesobre-o-natal. 
WWW.Pesquisa Literária de diversas obras do gênero




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

18/08/2017   |
11/08/2017   |
04/08/2017   |
28/07/2017   |
21/07/2017   |
14/07/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS