Quarta-feira, 16 de janeiro de 2019
Ano XXX - Edição 1539
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

A Coluna do J

20/03/2015 - Por J Moraes
Tweet Compartilhar
SAUDE É PRIORIDADE! ESSA NÃO COLA MAIS: A crise na saúde não se sabe exatamente quando começou e muito menos quando vai acabar. Não é privilégio de nenhum governo. Todos de alguma forma contribuíram para agravar o problema. O batido discurso dos políticos de que a saúde é prioridade não cola mais. Hospitais estão sendo vítimas dessa incompetência crônica de gerenciar a saúde. Estado e União, historicamente, não repassam para os municípios o que por lei lhes pertence. Os hospitais, muitas vezes, não recebem pelos serviços prestados. E quando recebem, os valores estão defasados.
 
COM uma dívida de quase 3 milhões de reais, o Hospital São Vicente de Paulo de Três de Maio esgotou sua capacidade de buscar recursos junto aos bancos e vive uma situação dramática. Segundo o diretor executivo  Samuel  Meoti, só no atendimento de Urgência e Emergência, o déficit mensal é de 130 mil reais. Disse que, se a situação não mudar drasticamente, o  hospital não suporta mais do que 60 dias. Na verdade, o hospital tem a receber muito mais do que deve, no entanto, Estado e União não estão pagando, e o convênio com o município está suspenso por questões legais.

OS PROTESTOS que levaram às ruas milhares de brasileiros, são a esperança de que um novo país possa estar nascendo. Um país mais justo, mais sério, mais honesto e mais humano. Historicamente se sabe que as grandes  mudanças, desde a Revolução Francesa (1789 a 1799) tiveram como pano de fundo a participação e a revolta popular.

 A REGIÃO vive uma situação muito grave, com focos de mosquito da dengue proliferando por todos os lugares. A maioria dos municípios apresenta mais de 5% das residências com focos do mosquito. As autoridades estão muito preocupadas e alertando a população. Com esse percentual  de residências infectadas, o perigo de uma epidemia é muito grande.

PEDESTRE MALA;  aquele que adentra a faixa de segurança como se fosse dono do mundo. Aquele que adentra a faixa mexendo no celular sem olhar pra lado nenhum. Aquele que adentra a faixa e atravessa lentamente, como se todos fossem desocupados como ele. Aquele que ainda não adentrou a faixa, e fica esbravejando se um carro passa antes dele. Burro, aquele que adentra a faixa sem cuidado. Se julga o dono. Arrisca a ser atropelado, ir para o hospital ou para o cemitério. Morre ou se quebra, mas na razão.

CALIBRANDO - IMPRESSIONA a participação de associados nas assembleias do Sicredi. A PRESIDENTE disse que a corrupção é uma velha senhora. Tá certa, tem 67 anos. COREDE Fronteira Noroeste elege hoje o novo presidente. NOVAS regras eleitorais praticamente inviabilizam candidaturas dos pequenos partidos ao Legislativo. CULTURAS DE VERÃO serão o tema de Dia de Campo hoje na Setrem. MISTÉRIOS insondáveis - o desaparecimento do filho do prefeito Vicini e quem matou Bibiana. PELO menos tem alguém faceiro com a disparada do dólar: os produtores de soja. A GLOBO tá com tudo. Não falta mais nada. Casal de lésbicas da terceira idade em horário nobre. É sinal dos tempos ou final dos tempos? QUEM DIRIA, estiagem já causa sérios prejuízos em algumas nas lavouras de soja.

BOM FINAL DE SEMANA, boa pescaria, ouvindo Milton Nascimento "Coração de estudante".



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

23/12/2016   |
16/12/2016   |
12/12/2016   |
02/12/2016   |
25/11/2016   |
18/11/2016   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS