Domingo, 17 de novembro de 2019
Ano XXXI - Edição 1583
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Estudo avalia realidade da produção de leite na região

10/07/2015 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Produtores com experiência no setor irão auxiliar na avaliação dos dados de um levantamento feito pela Cepea

Oito produtores de leite do município de Três de Maio foram convidados para participar de uma reunião, que aconteceu na tarde de terça-feira, 7. O painel teve como objetivo, avaliar através de dados apontados pelos próprios produtores, qual é a realidade de quem trabalha com essa atividade no município e também na região.

A reunião foi sediada no Sindicato Rural de Três de Maio, do qual os produtores são sócios. Segundo o presidente do Sindicato Rural, Antônio Cassol, este painel contém os custos da atividade leiteira no município. Ele revelou que esse levantamento simula uma propriedade padrão, na qual são avaliados os custos e rendimentos dentro de uma metodologia específica do Centro de Estudos e Pesquisas Agropecuárias (Cepea).

Preço baixo pago pelo leite é uma das principais preocupações do produtor
O evento foi muito proveitoso para os produtores. "Hoje em dia, a questão do custo é essencial. Muitas vezes, o produtor pensa que está recebendo um preço justo, mas quando coloca todos os custos em uma planilha, vê que não é bem assim", observa Eduardo F. Raymundo, que trabalha na atividade e também administra uma empresa de sementes no interior de Independência. "É preciso colocar todas as variáveis envolvidas, como a alimentação e os medicamentos do rebanho, energia elétrica, combustível, serviços, etc. E como ficou demonstrado aqui, o preço pago está realmente baixo", avaliou, ressaltando que pois todos os custos subiram e o valor pago ao produtor não.

O analista de mercado responsável pelo levantamento, Wagner Hiroshi Yanaguizawa, acredita que essa questão do preço se justifica pelos problemas que o mercado regional do leite está enfrentando atualmente, principalmente com a propaganda negativa gerada pelas fraudes que aconteceram. "Isso desvaloriza o produto regional e acaba pressionando também outros mercados.

Dados serão utilizados em benefício dos produtores
O estudo organizado pela Cepea é realizado em um período de três em três anos, isto porque, de acordo com Wagner  este tempo é o ciclo que a pecuária tem, para que ocorram mudanças no sistema e no manejo. Estes painéis são realizados em 17 estados, com o objetivo de recolher os dados para formalizar políticas e até mesmo assistência em benefício aos produtores.

Para Wagner, a realidade que foi avaliada aqui está presente em grande parte dos produtores do país. "É típico: o produtor tem aquela receita, consegue cobrir os custos, só que não faz planejamento nem levantamento de custos, e alguns destes custos ficam invisíveis", informou.

Na foto: Presidente do Sindicato Rural, Antônio Cassol


FOTO: DIVULGAÇÃO


Confira a matéria completa no jornal impresso





Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

01/11/2019   |
04/10/2019   |
07/06/2019   |
24/05/2019   |
01/03/2019   |
22/02/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS