Domingo, 19 de novembro de 2017
Ano XXIX - Edição 1484
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Católicos se preparam para as Missões

21/08/2015 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Atividades integram todas as comunidades da paróquia Nossa Senhora da Conceição, e representam um tempo de renovação para a Igreja

O ano de 2015 será marcado por uma grande celebração entre os fiéis católicos. A Paróquia Nossa Senhora da Conceição, de Três de Maio, estará realizando nos próximos meses, as Missões Populares 2015, que significam um tempo de renovação e envolvimento entre as comunidades que participam da Igreja. Segundo o pároco Pe. Edegar de Matos, há cerca de dezoito anos que estas atividades não eram realizadas no município.

Conforme o padre, as missões representam um tempo forte de envolvimento das pessoas, que se inicia pelas comunidades e depois alcança um grande número de pessoas, que são chamadas para uma vida cristã mais efetiva e vivencial. "Hoje nós temos, em nossas 45 comunidades, mais ou menos 800 pessoas trabalhando nesse sentido. Chamando as pessoas, reunindo grupos, coordenando uma multidão de fiéis. Isso são as Missões. Algo que vai acontecendo por dentro", define o pároco.

Presença dos frades capuchinhos
Entre os dias 28 de agosto e 26 de setembro, acontece o momento mais esperado das Missões Populares. Os frades capuchinhos visitam as comunidades, onde ficam até o período de uma semana e realizam encontros que reúnem crianças, jovens, adultos e idosos. "Eles visitam as pessoas e fazem momentos fortes de pregação nas comunidades", explicou o Pe. Edegar.

Para o padre, estas celebrações significam uma animação de todos, das pessoas de boa vontade, para continuarem sendo boas e não desanimarem, apesar de todas as dificuldades que isso traz. "Isso representa um processo de animação das comunidades e da paróquia em si. É um novo tempo. É um momento de fortalecimento, não só para os católicos. Não é um momento que servirá para atrais outros cristãos para a Igreja Católica, mas sim para animar todos os cristãos a estarem fervorosos em suas comunidades e Igrejas", salienta.

Em uma constante Missão
A Igreja Católica tem as Missões Populares como uma de suas maiores características e também um dos momentos mais marcantes para as comunidades das quais faz parte. "É uma retomada. Faz jus a uma Igreja que está em saída, sempre em missão, que não espera as pessoas. O que nos mantém vivos é esse estado, sempre em busca das pessoas. Indo àquelas que mais precisam - os doentes, os acamados, os enlutados, os que estão longe da Igreja. Esse é o nosso grande desejo", finaliza o pároco Pe. Edegar.

Confira a matéria completa no jornal impresso





Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

20/10/2017   |
20/10/2017   |
13/10/2017   |
13/10/2017   |
13/10/2017   |
15/09/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS