Quarta-feira, 23 de agosto de 2017
Ano XXIX - Edição 1471
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Consciência financeira desde pequeno

11/12/2015 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Experiências pessoais na condução do seu dinheiro levaram Erico Metzner, 12 anos, a escrever um livro com dicas para crianças
O assunto economia está no sangue de Erico Debesaitis Metzner, 12 anos, mas a relação dele com o tema não para por aí. O menino de Cuiabá (MT), cuja família tem raízes em Três de Maio, também trabalhou para que essa relação fizesse parte de seu dia a dia - e quer transmitir o que sabe às outras crianças.
Aproveitando as férias em Três de Maio, aonde chegou no começo do mês, devendo ficar até o início de janeiro, Erico é filho de Paulo Metzner e Eliane Jaqueline Debesaitis Metzner, três-maienses que, por força da transferência de Paulo, então trabalhando no Sicredi, se mudaram para Cuiabá há aproximadamente 15 anos. O garoto é aluno do Colégio Isaac Newton, na capital mato-grossense, no qual, em 2016, fará o 7º ano do Ensino Fundamental.
Eliane é co-autora do livro de Erico, "Como Conquistar seu Próprio Dinheiro" (Momentum Editora). A obra, com 64 páginas e voltada para o público dos 6 aos 14 anos, teve seu lançamento no dia do aniversário do garoto, 27 de novembro, na Livraria Janina, no Shopping Pantanal, em Cuiabá. Eliane, autora do livro "Finanças na Prática", é palestrante e facilitadora de cursos e treinamentos de educação financeira, vendas e investimentos. Formada em Direito, possui MBA em Gestão Empresarial, e é coach financeira pelo Instituto de Coaching Financeiro e master coach pela International School of Coaching de Orlando, nos Estados Unidos.

Lidando com dinheiro desde pequeno
Erico diz ter escrito o livro entre janeiro e junho. Ele conta que recebe semanadas dos pais desde os 6 anos, as quais se tornaram mesadas por volta dos 9. "Que comecei a criar consciência da importância de economizar, foi aos 7 anos, por aí. Eu me lembro de que uma hora percebi que é bom guardar dinheiro pra poder comprar coisas maiores", diz ele, estabelecendo um comparativo entre gastar o dinheiro em lanches, sorvetes e picolés, como praticamente toda criança gosta de fazer, e guardar para investir em algo material e duradouro, como um celular ou um computador.
"As palavras do livro são simples, não tem nenhuma palavra complicada", explica o garoto. Com uma linguagem acessível, ilustrações e exemplos, a obra é baseada na experiência pessoal de Erico, quanto a como administrou o que recebia dos pais.

Economias já renderam aquisições para o garoto
"Eu sempre ficava pedindo 'mãe, compra isso', 'mãe, compra aquilo', e ela sempre comprava. Aí, uma hora, a gente decidiu que, em vez de meus pais comprarem, eles me dariam R$ 15 por semana e eu mesmo começaria a comprar. Numa semana, fui ao shopping e gastei todo o dinheiro; em outra, fui ao parque e não gastei. Fiquei nessa de numa semana gastar, em outra não, até que vi como era bom guardar meu dinheiro. Então comecei a juntar quantias maiores, pra poder comprar coisas maiores", relata o jovem escritor. "Um celular, meio tablet, meia televisão e um computador foram algumas das coisas que consegui comprar com minhas economias", diz o escritor, revelando ocasiões especiais, como o Dia das Crianças e seu aniversário, em que ele entrou com metade do valor e seus pais se comprometeram a dar a outra metade.
Sobre como, na sua visão, as crianças podem conciliar a vontade de gastar em comida e o desejo por eletrônicos e outros, Erico ressalta que é preciso haver conscientização e economia, sim - mas não radicalismo. "Olha, muitas vezes, ocorrem essas tentações, digamos assim. Aí, então, se você quer algo grande, você deve tentar não gastar muito com lanches. Mas, por outro lado, não precisa parar de gastar, pensar que não vai poder gastar nada senão não vai conseguir comprar aquilo que quer. Não. Você pode, de vez em quando, comprar algumas coisinhas, mas sempre priorizando economizar", expõe ele.
Erico já revela planos de começar a escrever, num futuro próximo, um novo livro, chamado "Como Investir seu Dinheiro". Para entrar em contato com ele, o e-mail é erico_metzner@financasnapratica.com, e seu endereço no Facebook, www.facebook.com/erico.metzner. "Para administrar meu dinheiro, eu tenho dois potes, o dos sonhos e o do futuro. O dos sonhos é para agora, para coisas como celular e computador, e o do futuro é o que eu estou guardando para quando tiver 18, 20 anos, para abrir um negócio e, com o lucro desse negócio, comprar uma casa, começar uma vida", finaliza.

Obra tem 64 páginas e foi lançada no final de novembro





Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

18/08/2017   |
28/07/2017   |
28/07/2017   |
28/07/2017   |
14/07/2017   |
23/06/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS