Sábado, 24 de junho de 2017
Ano XXIX - Edição 1462
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

O tempo de chuva e o humor

19/12/2015 - Por Arlete Salante
Tweet Compartilhar

Um Dia de Chuva

Um dia de chuva é tão belo como um dia de sol.

Ambos existem; cada um como é.

 Alberto Caeiro, in "Poemas Inconjuntos" 

Heterônimo de Fernando Pessoa

 

Estamos fechando o ano com tempo literalmente fechado. Poucos dias ensolarados, muita água rolando e reclamação para todo lado... Mas, prestando atenção em si mesmo e nos outros, você poderá perceber a influência do tempo agindo sobre o seu humor e o humor das pessoas a sua volta. Seja o tempo que corre rápido, o tempo de chuva ou o tempo do fechamento do ano.

Conforme pesquisadores, o tempo de chuva deixa as pessoas mais introspectivas. Uma ótima oportunidade para se fazer um balanço, avaliar os resultados, suas faltas, seus anseios não realizados ou suas conquistas deste ano, suas metas e seus desejos.

A humanidade pode fazer avanços tecnológicos e científicos, mas não detém o controle do tempo e do clima e, menos ainda se beneficia dele quando paira no ar a reclamação coletiva. Forma-se um clima geral de insatisfação e todos falam mal do tempo. Estados psicológicos de negatividade são ativados, ou seja, dispara-se avaliações com a lente da  negatividade. Além disso, a reclamação retira a possibilidade de exercitar a compreensão da influencia do clima no próprio estado psicológico. O que de fato colaboraria, para então se reposicionar frente a si mesmo ou à sugestão da rotineira queixa.

Talvez o hábito do queixar-se do tempo aconteça porque não há controle humano sobre ele. Conseguimos controlar quase tudo em nossas vidas, ou nos iludimos que controlamos. Mas, sobre as reações do clima/tempo não temos poder. Precisamos aceitar que a natureza é soberana. Ela reina absoluta, e nós, diante dela, temos que nos curvar, nos protegendo dos seus estados enfurecidos ou ameaçadores. Quando as  mentes controladoras não se conformem, caem na queixa.

Talvez hoje tenha sol e isso te influencie a sair de casa, resolver coisas e falar com as pessoas, mas talvez esteja chovendo novamente... Então, busque perceber o clima e o que melhor pode extrair dele, afinal, como diz o poeta "um dia de chuva é tão belo como um dia de sol" depende do que você faz com ele.

                                 

                                  




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

15/04/2016   |
08/04/2016   |
01/04/2016   |
24/03/2016   |
18/03/2016   |
11/03/2016   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS