Segunda-feira, 27 de maio de 2019
Ano XXX - Edição 1558
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Economia para Consumo

05/08/2016 - Por João Seno
Tweet Compartilhar
À GUISA DE COMENTÁRIO - CADÊ A COMPETÊNCIA? - Sabe Deus onde e em que buraco está escondida a tão exigida competência. Dizia lá atrás um competente advogado, que já está no seu merecido descanso: "Quem não tem competência que não se estabeleça". Mas a sábia frase do causídico não está sendo ouvida, até esta parte, porque há incompetente circulando por todas as estradas por onde se passa. E é por causa desses incompetentes que acontecem tantos e tão variados equívocos diuturnamente. A má administração do patrimônio público é um desses exemplos. Não se pode gastar mais do que se ganha ou do que se arrecada. Quantos há que já aprenderam essa lição? Não adianta dizer que está tudo difícil e está tudo pela hora da morte. O administrador competente se adapta às circunstâncias. Quem gasta além da conta tem o ônus das consequências. Os dirigentes competentes precisam ser forjados ao longo dos anos, através da experiência diuturna. Errando se aprende é o que nos ensina o sábio adágio popular. É ficar de olho em quem tem competência. 
"O País vive a crise mais perigosa de todos os tempos: a da carência de dirigentes competentes". A frase emblemática é de um professor, o Deoclécio de Quadros Lopes. 
O FURO DO INSTITUTO - Vejam os distintos contribuintes do IPERGS onde estão os furos. O Instituto estava pagando um ágio de 45% aos prestadores de serviço, o que rendeu um rombo de R$ 250 milhões, só em 2015. Ademais disso, distintos contribuintes, a entidade teria grande número de inadimplentes (aqueles que não pagam), dívida que soma R$ 1 bilhão com o mal administrado Instituto, ou desonestamente administrado Instituto. 
UM DIA DESSES TODOS VAMOS TER QUE METER A MÃO NO BOLSO PARA AJUDAR A SALVAR O BARCO QUE ESTÁ AFUNDANDO. 
FRASE DE MARQUETEIRO - "Se tivesse o mesmo rigor que está havendo comigo, haveria uma fila que iria de Brasília a Manaus, poderia ser fotografada de satélite". Esta é do marqueteiro João Santana, na presença do juiz Sérgio Moro.
CUIDADO, HEIN! Com as enquetes eleitorais, muito comuns nesta época de campanha eleitoral. A multa para quem é flagrado em impedimento pode ser de até R$ 106 mil. Só serão permitidas pesquisas registradas na Justiça Eleitoral. 
VALORIZAÇÃO - O ser humano é valorizado enquanto produz. Vejam o caso dos atletas, eles têm grande valor enquanto produzem para suas equipes, depois disso são descartados. Para outras categorias, como professores, médicos, advogados, enfim, valem os mesmos critérios. 
O AGOSTINHO CHEGOU - Agosto é conhecido como o mês do desgosto. Principalmente o dia 13, quando cai em sexta-feira, que não é o caso deste ano. Mas quase. Temos Olimpíadas, vamos ter a decisão do impeachment. Quanto às Olimpíadas, o vaticínio é ruim: poucas medalhas e muita dívida. Não era a hora de realizar as Olimpíadas no Brasil, porque estamos vivendo uma das piores crises econômicas de todos os tempos. Mas é fruto do oba oba. Se fosse hoje, o projeto não vingaria. 



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

17/05/2019   |
10/05/2019   |
04/05/2019   |
26/04/2019   |
12/04/2019   |
05/04/2019   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS