Sábado, 29 de abril de 2017
Ano XXIX - Edição 1454
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Em busca do corpo perfeito - Parte II

17/02/2017 - Por Yara Lampert
Tweet Compartilhar
Nesta edição, segue a 2ª parte da entrevista sobre a busca do corpo perfeito com as profissionais Lélis e Laís Scharb, da Evidence Studio Personal e Yoga. 

A Yoga é uma aliada no resultado para um corpo perfeito?
As aulas de yoga trabalham exatamente o corpo e a mente como um todo, com exercícios de flexibilidade, equilíbrio, posturas (asanas), exercícios de respiração e concentração, proporcionando um melhor conhecimento e controle do corpo e das emoções. É uma fuga à rotina agitada do dia a dia, consequentemente melhorando a qualidade de sono e de vida do praticante. 

E a prática da corrida?
As corridas, além de ser uma atividade, buscam explorar os limites físicos de cada aluno. São direcionados aos alunos da academia, onde a corrida faz parte do programa de treinamento de cada um, assim como a busca pela correção da marcha e postura durante a atividade. Incentivamos todos que demonstram interesse e até aos que percebemos que possuem um grande potencial para tal. A participação em rústicas da região é importante para o aluno buscar seu aperfeiçoamento no esporte e perceber que o mundo da corrida é bem mais amplo do que enxergamos. Os passeios de bicicletas são feitos normalmente nos fins de semana, tendo como objetivo a interação com a natureza, como trilhas, cachoeiras, nascer ou pôr do sol, um momento de lazer, descontração e gratidão pelo que nos cerca, sem fins competitivos.

Cada indivíduo tem o seu biótipo. Como funcionam os treinamentos?
Existe uma forma de treinamento e uma dieta que se adéqua ao indivíduo. Não podemos culpar a nossa genética pelos objetivos não alcançados. Os resultados dependerão do esforço e dedicação do aluno, assim como o treino e dieta apropriada. É comum vermos pessoas atingindo seus objetivos rapidamente, enquanto outras de forma gradativa e lenta (estas, que muitas vezes acabam se frustrando e desistindo da academia). Porém, precisamos entender que cada indivíduo possui suas especificidades e com o método de treinamento adequado chegará ao seu objetivo, sim, dentro do seu tempo. 

Há um limite entre o corpo saudável e o exagero?
O limite é percebido no surgimento de prejuízos em qualquer esfera, seja ela pessoal, social, financeiro ou de saúde. Por exemplo, se começou a gastar mais do que ganha em atividades para obter o corpo perfeito, percebemos que o limite foi ultrapassado. Deixou de sair com os amigos ou família para ir atrás do corpo perfeito, também pode ter ultrapassado o limite. Adquiriu alguma doença por consumir exageradamente algum alimento que deveria ser saudável, também ultrapassou o limite.

..........................................................................................................

Corpo perfeito, segundo cientistas:
Parece que os cientistas da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, conseguiram descobrir. A dona do corpo escultural é a atriz e modelo Kelly Brook. Depois de medir e analisar, os especialistas chegaram à conclusão que as curvas dela são simétricas e proporcionais.
Medidas
Kelly tem 1,68 metros de altura, 73 quilos, 63 cm de cintura, 91 cm de quadril e 90 cm de busto, tornando os seios grandes, de acordo com o site Blasting News. 
Fora do padrão
O interessante é que as medidas de Kelly não seguem os padrões de beleza estabelecidos pelas grandes indústrias, que valorizam as mulheres mais magras. O título foi dado a Kelly, pois os cientistas do Texas, depois de medirem a modelo, chegaram a conclusão de que as partes do corpo dela são perfeitamente proporcionais.


FOTO PRINCIPAL: STUDIO CRIATIVO




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

20/04/2017   |
13/04/2017   |
07/04/2017   |
31/03/2017   |
24/03/2017   |
17/03/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS