Domingo, 19 de novembro de 2017
Ano XXIX - Edição 1484
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Agricultor morre intoxicado em tanque de dejetos suínos

04/08/2017 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Ao tentar efetuar a limpeza do local, homem foi contaminado pelos gases tóxicos 

Ao tentar fazer a limpeza de um tanque de dejetos suínos, na propriedade da família, o agricultor Eliseu Henschel, de 37 anos, foi atingido por gases tóxicos, e acabou morreu intoxicado. O caso foi registrado no domingo, dia 30, no interior de Doutor Maurício Cardoso.
De acordo com o inspetor de Polícia Civil, Marcos Golin, o acidente ocorreu quando o agricultor foi limpar o espalhador de esterco acoplado ao trator. "É tipo um tanque. Ele entrou dentro do espalhador e ficou. Foi limpar, mas ainda tinha resíduos de gases tóxicos". 
Conforme a Polícia Civil, além do agricultor, o filho dele, de 11 anos, também foi intoxicado e encaminhado ao hospital em Santa Rosa, para atendimento, onde permanece internado em estado estável. 

Dejetos de animais contêm gases tóxicos
De acordo com o chefe do Escritório da Emater de Três de Maio, Leonardo Rustick, os dejetos suínos e dos demais animais em geral, são usados como fertilizantes nas lavouras, mas para isso, passam por um processo de fermentação, e nesse processo, as bactérias transformam matéria orgânica em fertilizante e gás (principalmente metano, dióxido de carbono e hidrogênio, que são altamente tóxicos). 
Leonardo alerta que não é aconselhado respirar esses gases e não se pode manipulá-los em ambientes fechados. "Geralmente, esses gases absorvem o oxigênio, que é essencial para a vida humana. O que aconteceu nesse fato da morte do agricultor, é que havia grande concentração desses gases no tanque, e sem presença de oxigênio. Esses gases têm efeito muito rápido, agindo no sistema nervoso central e impedindo a respiração, causando morte por asfixia".
Segundo o chefe da Emater, mesmo que o agricultor tivesse equipamentos de proteção individual, como uma máscara especial para gases, o recomendado é não fazer esse tipo de tarefa em ambiente fechado. "O ideal é fazer o processo de limpeza com esguicho de água ou utilizar outra ferramenta, sem entrar dentro para evitar o contato com os gases", orienta.  

FOTO: DIVULGAÇÃO POLÍCIA CIVIL

Tanque onde o agricultor foi intoxicado, ao entrar para fazer a limpeza






Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

20/10/2017   |
16/06/2017   |
13/04/2017   |
17/03/2017   |
10/02/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS