Domingo, 18 de novembro de 2018
Ano XXX - Edição 1533
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Belezas em versos

06/07/2018 - Por ATMES
Tweet Compartilhar
De estrelas radiantes
É o céu que lucila!
E, aos sons deliciosos,
No além, mais vibrante
Minha alma palpita.
São vozes galantes
Por vezes surgindo
Aos meigos acordes, 
Ressurgem, encantam
E, enfim, vão sumindo.

São águas tranquilas
E, nelas, se erguendo,
São altos rochedos,
Penhascos luzindo,
De neve banhados.

Reanimam-se, então, 
Visões de paisagens
De todas as formas,
Turbilhões de imagens
Que chegam e vão.

São matas enormes
De longas ramagens,
São selvas bravias
De raras folhagens,
Em quadros conformes.

São rios e batéis,
Os bosques em flor,
Magníficas obras
De nosso senhor,
Em lindos painéis.

São preces de amor
Ardente, é bonança
De um dócil amigo
Que, em versos, consigo
Deixar-vos de herança.

Armim Nied - Alçando Voos



Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

01/11/2018   |
05/10/2018   |
06/09/2018   |
17/08/2018   |
01/06/2018   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS