Terça-feira, 25 de julho de 2017
Ano XXIX - Edição 1467
(55) 3535-1033
jsemanal@jsemanal.com.br
diagramacao@jsemanal.com.br

Perfil - Noemia Sartor

08/03/2013 - Por Jornal Semanal
Tweet Compartilhar
Nome: Noemia Sartor
Idade: 43 anos.
Casada com: Darci Roque Sartor.
Filha de: Hildegard Siepmann Atkinson e Helmuth Atkinson (em memória).
Natural de: Independência.
Reside em: Quarainzinho interior de Três de Maio.
Mãe de: Darléia (23), Daniela (17) e Felipe (12).
Formação em: ensino fundamental incompleto.
Profissão: agricultora e comerciante de produtos agroindustriais.
Leia-se: Piscicultura Sartor e Família Sartor (na feira municipal).
Se pudesse mudar de profissão, seria: não me vejo trabalhando em outra profissão.
O que mais gosta em seu trabalho: ver o resultado na satisfação dos clientes.
Como você vê a mulher no mundo de hoje? Com muito mais liberdade de expressão, persistente, menos acomodadas, lutam pelo que querem para si e para sua família e mais aberta com os filhos para assuntos do cotidiano.
Como você se define? Persistente, lutadora e alegre.
Que momento da sua vida você escolheria para reviver: todos os momentos de felicidade.
E que momento você gostaria de apagar: a morte de meus pais.
Que habilidade gostaria de ter, mas não tem: de falar fluentemente em público.
O que você gostaria de ter sabido antes: que dificilmente os pais não têm razão no que nos ensinam, mas somente com o tempo entendemos o que eles queriam nos dizer.
Um presente que nunca esqueceu: uma sandália que ganhei do tio Egon, pois pedi para ele um sapato azul, como na aquela época não existia variedade de calçados, ganhei uma sandália branca, mas fiquei alegre da mesma maneira.
Qual é o seu bem mais precioso: saúde, filhos, família e amigos.
O maior tesouro que podemos deixar para nossos filhos? Exemplo de honestidade e bom caráter.
Hobby: dançar e passear com a família.
Gosto inusitado: comer doce e salgados juntos.
Momento marcante: meu casamento e o nascimento de meus filhos.
Time que torce: Grêmio.
Participa de uma entidade ou clube de serviço? Sim, do CTG Tropeiros do Buricá.
Pratica atividade física: pilates e caminhadas.
Estilo musical: sertanejo e gauchesco.
Hábito que não abre mão: comer doce.
Um hábito que quer se livrar: de comer muito doce.
Qual a paisagem natural que mais impressiona você: natureza, principalmente das flores.
Projeto de viagem: nenhum em especial.
A maior virtude de uma pessoa: honestidade e humildade.
O que você não tolera: pessoas falsas e arrogantes.
Receita de sucesso: ser honesta e persistente.
O negócio do futuro é: tudo ligado a meio ambiente e produção de alimentos naturais.
Um nome de sucesso: Deus.
Um sonho de consumo: uma moto.
Ponto positivo de sua cidade: a cidade é limpa e o nosso povo acolhedor.
E o negativo: faltam-nos grandes empresas, para gerar mais empregos.
Seus aplausos vão para: pessoas que no anonimato ajudam o próximo (entidades, associações ou pessoas), por amor a camiseta sem esperar benefício próprio, e também aos deficientes pela força de vontade e superação.
Nota zero para: para os políticos que são corruptos, principalmente os que roubam o dinheiro destinado  a saúde pública, deixando as pessoas armazenadas em macas nos corredores e no chão dos hospitais esperando atendimento precário.




Indicar a
um Amigo

Comentários

Deixe a sua opinião

Veja Também

21/07/2017   |
14/07/2017   |
07/07/2017   |
30/06/2017   |
30/06/2017   |
23/06/2017   |




Todos os direitos reservados - Jornal Semanal - Três de Maio - RS